Login

Riscos e desafios da internacionalização

O processo de internacionalização é um dos mais complexos e desafiadores dentro do âmbito empresarial, afinal, uma série de questões devem ser consideradas para que o projeto obtenha o sucesso desejado. Fatores como custos iniciais e investimentos, barreiras culturais, desafios logísticos e adaptação dos produtos e/ou serviços são apenas alguns dos gargalos que o empreendedor deve avaliar antes de definir qualquer plano de ação. 

O modo que a internacionalização será feita também é outro ponto de reflexão. Há, por exemplo, a possibilidade de exportação de produtos ou serviços nacionais para outros países ou a abertura de filiais no exterior – nesse estágio, a empresa já possui um relacionamento sólido com o mercado internacional e tem interesse em melhorar sua logística e atendimento. A partir disso, é possível:

  • Abrir um escritório de representação para dar todo suporte de atendimento aos clientes;
  • Adquirir uma distribuidora, a fim de melhorar a cadeia logística do negócio;
  • Iniciar uma nova unidade de negócio no país destino.

 

Concorrência global

Um dos pontos mais importantes dentro do planejamento para internacionalização do negócio é avaliar o cenário da concorrência dentro do país em que a empresa pretende expandir sua atuação. Nesse sentido, a entrada em mercados internacionais frequentemente significa ter que enfrentar concorrentes locais e globais. Para superar esse desafio, é essencial compreender e superar as estratégias de concorrentes em diferentes contextos, aperfeiçoando seu produto/serviço de acordo com as tendências do mercado e, principalmente, com as necessidades do público-alvo.

Gerenciamento e compliance

Além da concorrência, gerenciar os riscos jurídicos e práticas comerciais exigirá um grande esforço por parte dos empreendedores, afinal existe muita diversidade nas leis e regulamentações em outros países que, na maioria das vezes, são desconhecidas entre os brasileiros. Sendo assim, para manter a conformidade com todas essas questões burocráticas, estudar a fundo o tema e contar com um parceiro que tenha toda a expertise necessária pode ser uma solução para esse gargalo. 

Desafios de Recursos Humanos

Conforme citado anteriormente, a barreira cultural é um grande desafio no processo de internacionalização. Isso porque é essencial a contratação e gerenciamento de uma equipe internacional. O empreendedor deve considerar, ainda, fatores relacionados à diversidade, diferenças culturais no ambiente de trabalho e leis trabalhistas locais.

Segurança cibernética

Ao expandir internacionalmente, é essencial compreender os riscos relacionados à segurança cibernética, uma vez que a empresa passará a operar em diferentes ambientes digitais e as leis mudam dependendo do país. Assim, garantir a confidencialidade das informações e conformidade com as regulamentações de proteção de dados em diferentes jurisdições – e de acordo com o país destino – será determinante. 

Gerenciamento e reputação do negócio

Além de todas as questões burocráticas, operacionais e administrativas, a empresa deve manter uma imagem íntegra e positiva em todos os mercados em que está inserida. Riscos relacionados a incidentes de relações públicas, por exemplo, podem ter impacto global, afetando negativamente toda a operação da organização.

 

Por fim, é essencial que a empresa avalie criteriosamente esses e outros desafios, desenvolvendo estratégias de mitigação e aperfeiçoamento do negócio. É preciso, ainda, estar preparada para adaptar sua abordagem continuamente, à medida que o próprio mercado internacional passa por transformações. Vale reforçar, ainda, que uma análise de riscos robusta e uma compreensão profunda dos mercados-alvo são essenciais para o sucesso da internacionalização.

Compartilhe

Últimos Posts